Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2019

Pensamento do dia...

Imagem
Meu maior pesadelo!


Quanto custou para conhecer a Austrália...

Imagem
Bem ao estilo do post “Quanto custou para conhecer a Islândia…” quero aproveitar que minha viagem para a Austrália ainda está fresca na memória e falar um pouco de como foram esses mais de 2 meses na estrada. Como esse aqui é um blog de finanças pessoais e não de viagem tentarei dar um foco mais financeiro do que propriamente turístico ao assunto, mesmo assim não vou escapar de me perder um pouco falando das maravilhas desse país que é a Austrália. Foram 66 dias de viagem pelas estradas australianas hospedando-se em 15 Air BnBs, quase 7 mil quilômetros e dezenas de cidades diferentes… essa foi a viagem mais longa que fiz na vida e uma das melhores até hoje!





   O planejamento da viagem começou bem antes do dia em que embarcamos para lá, apesar de não querer me amarrar muito em cronogramas foi preciso tirar visto para mim e para a Srta.IF. Como sempre o meu visto saiu rápido e o dela alem de mais caro também demorou muito mais tempo para ficar pronto, por ser brasileiro o meu custou …

Plano Bali foi para o lixo...

Imagem
Martelo batido, já amassei os planos de morar em Bali e joguei no lixo! Fomos ver a casa que comentei no post anterior e para falar a verdade era exatamente oque procurávamos, nem muito grande e nem muito pequena, localizada à 5 minutos à pé da praia, piscina (coisa que eu nem queria) e dois quartos. Seria o lugar perfeito se não fossem dois pequenos detalhes, primeiramente os dois mil dólares por mês de aluguel e em segundo lugar o fato que ambos torcemos o nariz todas as vezes que saímos na rua. Enfim, vou parar de falar mal de Bali porque já tem leitor que está se ofendendo com minhas críticas ao lugar… só vou dizer que infelizmente esse não é o lugar pra gente, e por isso quando penso em engessar 8 mil reais do meu orçamento no aluguel de uma casa em um local que não nos agrada a coisa começa a virar burrice. Por isso me reservo o direito de assumir que errei e felizmente a IF me permitirá de certa forma contornar esse erro, mas não sem antes sofrer as consequências e prejuízos…

Meu plano de morar em Bali está "morrendo na praia"...

Imagem
Alguns já devem ter notado meu silêncio nos últimos dias e de antemão peço desculpas por não ter nem respondido aos comentários dos dois posts anteriores, a verdade é que quando as coisas ficam ruins eu tenho a tendência de me isolar na minha “caverna” e refletir sobre o problema. Problemas que eu não saberia nem por onde começar mas que posso resumir em uma frase só “as coisas não estão saindo conforme planejado”, estou literalmente perdendo essa batalha inicial para estabelecer minha vida FIRE. Depois de tanto planejamento, pesquisa e muita idealização aqui estamos nós em Bali e nos sentido derrotados! Fomos pegos de surpresa tanto pelo lado financeiro como pelo lado psicológico…





   Depois de 2 meses fazendo uma viagem fantástica pelas estradas da Austrália e mesmo morando de forma precária pulando de Air BnB em Air BnB acabamos nos acostumando com o ritmo e curtindo cada cidade pelas quais passamos… até idas ao supermercado tornaram-se prazeirosas! Foi quando faltando 4 dias par…

Hoje seria o dia da minha "aposentadoria"...

Imagem
Caso alguém acompanhe o blog desde o primeiro post irá lembrar que a criação desse site se deu por conta da vontade de relatar meus últimos 365 dias em busca da IF conforme escrevi na minha página inicial "Quem é o Sr.IF?", já alguns leitores não tão recém-chegados assim devem pelo menos lembrar do “relojinho” localizado na parte superior da página onde eu fazia a contagem regressiva para deixar meu emprego. Em ambos os casos antes da publicação do post “Joguei a toalha…” onde anunciei que estava antecipando minha aposentadoria antecipada (rs) a grande data tão sonhada era 16 de maio de 2019, nesse dia eu pretendia pedir demissão e começar a cumpriR os 3 meses de aviso prévio exigidos pela minha empresa. Me recordo que passei noites em claro sonhando com a chegada dessa data, principalmente quando as coisas não estavam indo bem no trabalho, e obviamente tão ansioso quanto uma criança à espera da noite de natal pareceria que esse dia não chegaria nunca. Mas 16 de maio fina…

Nada mais me surpreende...

Imagem
Antes de entrar na reflexão de hoje gostaria de deixar claro que não sofro de depressão (ou pelo menos não sofro mais de depressão) e que o que vou relatar parece ser meio que um consenso e regra geral para quem já atingiu uma certa idade, pelo menos é isso que eu pude constatar conversando com os amigos da mesma faixa etária que eu.

_______________________________________

   Não é de hoje que notei como nada mais é realmente novidade pra mim, parece que depois dos 40 anos uma pessoa já meio que não só viveu quase todo tipo de experiência que um ser humano pode viver mas também consegue prever como serão futuras experiências que ainda estão por vir… por exemplo, já faz muito tempo que não me surpreendo mais com um prato de comida, por mais chique que seja o restaurando só de ler o cardápio já sei qual será o gosto da refeição que o garçon irá trazer. Não estou dizendo que a comida passou a ter um gosto amargo na minha boca mas sim apenas constatando que uma refeição por mais elaborada…

Porque eu tenho 5 contas bancárias...

Imagem
Para os leitores mais antigos do blog não é novidade que minha condição junto à Receita Federal brasileira é a de não residente, mas para quem chegou agora talvez seja um pouco confuso entender que o Sr.IF não faz declaração de IR justamente por não residir no Brasil. Porém mesmo não morando no país e não entregando declaração de imposto de renda ainda sim sou obrigado a recolher impostos sobre investimentos os quais a corretora não retém na fonte, como por exemplo venda de ações (acima de 20k) ou FIIs. Apesar da condição de não residente parecer confortável a verdade é que de confortável ela não tem nada uma vez que, segundo as regras do Banco Central o Sr.IF não poderia manter investimentos ou conta corrente normal dentro do país. Por isso me vejo sempre ameaçado de um dia receber um ultimato da corretora dizendo que deverei encerrar minhas posições e vender todos os ativos custodiados com eles, já pensou a dor de cabeça?!?!





   Enquanto que o “apocalipse” de ter que fechar a cont…