Como atualizar automaticamente preço dos ativos em sua planilha…

   Desde os meus primórdios como investidor sempre fiz o controle financeiro utilizando planilhas Excel, acredito que uma das minhas planilhas já esteja beirando os 20 anos de idade… foram sempre muitos remendos, correções e melhorias mas com o único objetivo de manter um registro fiel da evolução patrimonial principalmente do dinheiro investido em renda variável. Como o próprio nome diz, para se manter o controle de renda variável é preciso atualizar constantemente os preços dos ativos. Obviamente no começo tudo era feito de forma manual, e quanto mais ativos mais trabalho. Porém ano passado instalei um plugin que permitiu que tudo fosse feito de forma automatizada, chama-se Stock Conector e funcionou muito bem até o Yahoo que era o repositório de dados utilizado pelo programa decidiu fechar o acesso à sua base de dados e tudo parou de funcionar. Voltei a fazer manualmente a atualização dos preços dos mais de 33 ativos que possuo em minha carteira, normalmente deixava para fazer isso em um dia que me encontrava entediado ou então antes do fechamento mensal. Confesso que as vezes dependendo de como o mercado se comportou, era até um prazer atualizar o preço dos ativos mas ainda sim é um trabalho chato e propenso a erros.





   Foi então que pesquisei alternativas e topei com o Sheets do Google, equivalente ao Excel da Microsoft porém de graça e que oferece a possibilidade de facilmente vincular células a preços de ativos em bolsa. Decidi experimentar importar a minha planilha “Frankenstein” para o Google Drive e abrir com o Sheets, qual não foi a surpresa quando me dei conta que a importação e conversão foram um sucesso, todos os campos continuavam a funcionar perfeitamente e foi preciso apenas alguns ajustes estéticos de formatação para ficar “brilhando” como novo. Com tudo aparentemente no lugar decidi testar as fórmulas que retornam os valores de ações e FIIs, uma vez digitadas corretamente foi questão de segundos para tudo se atualizar de forma automática, finalmente em tinha me livrado novamente do trabalho maçante de atualizar preços dos ativos toda vez que quisesse acompanhar meus investimentos em bolsa.


   Sou usuário de Mac e por isso para utilizar o Google Sheets é necessário fazer-lo através do navegador Chrome também do Google, vou descrever passo a passo como fazer o upload da sua planilha Excel para o Google Drive, depois importa-la para o Google Sheets e finalmente as fórmulas utilizadas para obter os preços de ativos. Antes de mais nada tenha a mão uma conta Google, o Chrome instalado no seu Mac e uma conexão de internet ativa. Posteriormente você poderá atualizar sua planilha “offline” mas inicialmente irá precisar de uma conexão para fazer o upload inicial do arquivo Excel.

   Vamos lá:

1- Com o navegador Chrome aberto clique em “Apps” no canto superior esquerdo da tela.




2- Com o login já feito na sua conta Google abra o Google Drive




3- Vamos primeiro configurar o acesso “offline” para que você possa abrir suas planilhas mesmo sem internet, para isso clique no canto direito superior da tela para abrir as configurações.




4- Em “settings” marque a opção de acesso “offline” e pronto, você já poderá editar sua planilha sem conexão com a internet e sempre que seu computador tiver acessa a internet suas alterações serão sincronizadas.




5- Ainda dentro do Google Drive faça o upload da planilha que deseja abrir com Sheets clicando em “NEW” e depois "FILE UPLOAD". Você pode também criar uma nova planilha se desejar.




6- Uma vez que você fez o upload sua planilha aparecerá dentro do Google Drive, agora basta clicar com os dois dedos no arquivo e abrir com o aplicativo Google Sheets.



   A partir desse momento é provável que a conversão tenha sido um sucesso e tudo que você terá que fazer são pequenos ajustes estéticos na formatação para que fique parecendo com sua antiga planilha Excel. Irá notar também que nem tudo é vantagem quando se usa o Google Sheets, ele não flui tão bem como o Excel instalado em seu computador e sempre que é aberto necessita que você ajuste o nível de zoom para melhor visualização. Mas o tempo que economizo só por não ter que ficar atualizando os preços manualmente compensa esses pequenos inconvenientes.


   Chegou a hora da planilha brilhar, logo abaixo mostrei as fórmulas que eu uso para obter as cotações online de ações, FIIs, câmbio e até Bitcoin!


AÇÕES

   Digitando a fórmula =GOOGLEFINANCE("ITUB4.SA", "price") vc consegue o preço das ações ITUB4 (Itaú), basta substituir ITUB4 por PETR4 para conseguir o preço da Petrobras por exemplo. Notem que é necessário deixar o .SA após o código da ação para que funcione.

(OBS: Segundo o leitor PC ele teve que retirar o .SA para que algumas ações funcionassem corretamente, caso encontre problemas tente com e sem o .SA)

(OBS 2: Hoje minha planilha parou de funcionar devido a não atualização dos preços das ações, para que voltasse a funcionar tive que fazer como o PC falou e retirar o ".SA" do código dos papéis.)





FIIs

   Digitando a fórmula =GOOGLEFINANCE("ABCP11", "price") vc consegue o preço do FII ABCP11, basta substituir ABCP11 por outro código de FII para conseguir o preço de outro ativo. Notem que NÃO é necessário digitar .SA após o código de um FII.




CÂMBIO

   Possui investimentos em dólares e quer converter o valor em reias? Sem problema, a fórmula =GoogleFinance("CURRENCY:USDBRL") irá retornar a cotação atualizada do dólar. Você pode substituir por qualquer outra moeda trocando USD por EUR se quiser a cotação do Euro por exemplo.




BITCOIN

   Sua praia é Bitcoin, a fórmula =GoogleFinance("CURRENCY:BTCBRL") irá retornar o valor do Bitcoin em Reais ou se quiser basta substituir BRL por USD para obter a cotação em dólares.




   Como expliquei existem alguns inconvenientes na utilização do Google Sheets sendo o maior deles a falta de fluidez do aplicativo, vale ressaltar que as cotações são com um atraso de 20 minutos aproximadamente. Mas também existem grande vantagens de manter a sua planilha no Google Sheets, uma delas é a possibilidade de abrir qualquer planilha do Google Drive no seu celular através do program Sheets para iOS, funciona muito bem e apesar de ser muito incômodo fazer qualquer tipo de edição no aparelho é bom para ter tudo a mão caso precise fazer uma consulta rápida.



Google Sheets para iPhone, muito pequeno para edição mas o suficiente para consultas rápidas.


   Infelizmente não existe ainda uma aplicativo Google Sheets nativo para usuários de Mac e por isso todo o acesso tem que ser feito via navegador Chrome pela aba de "Apps" como descrito na primeira figura do tutorial, para facilitar você pode criar um bookmark na sua barra de favoritos direcionado para as planilhas que desejar ter acesso rápido.


Sr. IF365

Comentários