Máquina de fazer dinheiro…

   Já imaginou possuir uma máquina de fazer dinheiro? Acho que esse é o sonho de consumo de qualquer pessoa e aposto que se alguém tivesse uma dessas iria colocá-la para trabalhar dia e noite. Não seria uma maravilha ir para a cama, acordar no dia seguinte e ter apenas o trabalho de coletar todo o dinheiro que a máquina produziu na noite anterior enquanto você dormia? E o melhor, dependendo de quanto dinheiro ela produz você ainda teria a opção de ir ou não para o trabalho uma vez que  a sua máquina talvez consiga produzir tanto dinheiro que nem trabalhar mais você precisa para viver. Mas se mesmo assim você decidir trabalhar, poderá sempre contar com a segurança de que a sua maquininha de dinheiro estará reforçando seu caixa e trabalhando incessantemente para lhe dar a tranquilidade de que o dinheiro gerado por ela será mais que suficiente para cobrir seus gastos enquanto procura outro emprego caso seja demitido.



Máquina de fazer dinheiro



  Acredito a essa altura a maioria dos leitores já se tocou que essa máquina não só existe como se chama IF, assim como uma imaginária máquina de fazer dinheiro a IF nada mais é do que você colocar seu dinheiro para “trabalhar” e produzir renda passiva. Uma verdadeira máquina de fazer dinheiro que irá trabalhar incessantemente dia e noite para gerar fluxo de caixa, seguindo essa analogia podemos “desmontar” essa máquina e ver como ela funciona por dentro e de quais peças ela é composta. Conhecendo melhor seu funcionamento não só fica mais fácil opera-lá como também fazer sua manutenção conforme necessário.


  A primeira coisa que notamos ao olharmos para uma máquina de fazer dinheiro é o seu tamanho, geralmente máquinas maiores irão produzir mais dinheiro em um espaço menor de tempo. Esse tamanho representa o seu patrimônio, obviamente quanto maior for ele mais fácil será obter uma renda passiva significativa, pequenas máquinas e pequenos patrimônios irão gerar menos dinheiro do que máquinas e patrimônios maiores.

  Após construir sua máquina de dinheiro é preciso coloca-lá para funcionar, de nada adiante você possuir uma máquina dessas se for deixá-la desligada e encostada no fundo da garagem de casa. Da mesma forma não adianta possuir um patrimônio elevado se você não colocá-lo para trabalhar por você, é preciso “liga-lo na tomada” e por para funcionar. Vale ainda ressaltar que assim como uma máquina que não é ligada de tempos em tempos, o patrimônio também enferruja e sofre corrosão, nesse caso a grande vilã que irá destruir sua máquina de dinheiro é a inflação, patrimônio parado é sinônimo de perdas ao longo do tempo.

  Uma vez que sua máquina de dinheiro esteja ligada é possível olhar dentro dela e ver como tudo funciona. Uma típica máquina de fazer dinheiro é formada por diversas engrenagens de tamanhos e funções diferentes, cada uma delas trabalhará em conjunto com as outras para produzir o resultado final esperado, dinheiro. Essas engrenagens são os diferentes tipos de investimentos que possuímos em nossa carteira, no caso da minha máquina de fazer dinheiro possuo 4 engrenagens principais: FIIs, Cupons do Tesouro, renda de aluguel e dividendos de ações. Quanto mais engrenagens mais complexa é a sua máquina de fazer dinheiro, isso pode ser bom como também pode ser ruim... máquinas complexas exigem mais conhecimento e atenção para serem operadas, enquanto máquinas mais simples são mais fáceis de entender seu funcionamento e mais confiáveis conforme veremos abaixo.





  Imagino que a maior alegria de quem possui um máquina de dinheiro seja coletar os resultados da produção, o dinheiro. Apesar da minha máquina trabalhar dia e noite ela costuma entregar os resultados em torno de 3 vezes ao mês, bem no começo do mês quando recebo os dividendos das ações do ITAÚ, no meio do mês quando entram os pagamentos do FIIs e qualquer outra data não específica quando recebo cupons do tesouro, amortização de FIIs e/ou dividendos esporádicos das ações. Independentemente de quando e como sua máquina produza dinheiro o importante é que sempre será possível obter um fluxo contínuo e previsível de caixa, bastando apenas planejar com antecedência seus gastos para se encaixar à produção da sua máquina. No meu caso pretendo viver apenas com o que a minha máquina produz no mês anterior, como você pode ver no meu gráfico de renda passiva existem meses onde ela gera mais dinheiro e outros menos.


Resultados da minha máquina de fazer dinheiro





   Existem duas maneiras de elevar a produção de uma máquina de dinheiro, a primeira e mais óbvia é aumentar o seu tamanho, ou seja aumentando o tamanho do patrimônio a quantidade de renda que ele irá gerar normalmente será maior. No meu caso em média, para cada R$ 100 mil que eu consigo injetar na minha máquina de fazer dinheiro a produção aumenta em R$ 510, ou seja ao colocar R$ 100 mil na minha máquina ela irá gerar uma renda perpétua de R$ 510 todo mês pelo resto da minha vida. A segunda maneira de elevar a produtividade da sua máquina de dinheiro é aumentando sua eficiência, no exemplo acima eu disse que em média injetando R$ 100 mil a máquina irá produzir R$ 510, porém se eu decidir investir esses R$ 100 mil apenas nas “engrenagens” de FIIs a produção iria disparar para R$ 630. O grande problema em aumentar a eficiência da sua máquina de dinheiro é que necessariamente estará forçando ela a trabalhar mais próximo do seu limite. Imagine o motor de um carro de Fórmula 1 que sempre trabalha com máxima eficiência e muito perto do limite de potência máxima, as chances de quebra aumentam exponencialmente operando nessas condições. Eu poderia muito bem aplicar tudo em FIIs e obter o máximo de eficiência possível da minha máquina de dinheiro, mas essa falta de diversificação fatalmente iria me expor a um grande risco de quebra caso o mercado imobiliário brasileiro afundasse. Por um outro lado se eu decidisse aplicar tudo no Tesouro Direto a possibilidade de danificar minha máquina de dinheiro cairia drasticamente, porém sua eficiência seria extremamente baixa me forçando a aumentar o tamanho do minha máquina para obter melhores resultados.

  Como você poder ver ser o feliz proprietário de uma máquina de dinheiro não só é possível como também ela tem um nome, IF. Não é um equipamento barato porém está ao alcance de todos que possuem a força de vontade e disciplina para monta-la e colocá-la para funcionar, assim como qualquer máquina ela necessita de um certo grau de atenção e manutenção de tempos em tempos, mas com certeza irá lhe proporcionar um retorno a altura dos esforços e investimentos requeridos.


Sr.IF365

Comentários