Momento atual, oportunidade ou sinal de alerta?

   Continuamos acompanhando de perto essa corrida eleitoral em meio à uma crise financeira sem fim e com pitadas de atrocidades jurídicas proporcionadas pelo nosso querido STF, simplesmente não tem como abrir o jornal e não se estarrecer com a situação do nosso país. Em meio a tudo isso a bolsa tenta se “segurar” como pode e o dólar sobe e as vezes desce igual uma montanha russa, porém no geral podemos dizer que estamos vivendo mais uma vez tempos de dólar em alta e bolsa em baixa. Mas quantos de nós já não vimos isso antes?





  Se você assim como eu está na casa dos 40 anos de idade com certeza já viveu pelo menos outros três momentos parecidos com o que estamos vivendo hoje. Véspera de eleição sempre foi motivo de apreensão no mercado financeiro, arrisco a dizer que inclusive já vivemos momentos mais tensos do que oque estamos vivendo agora, porém independentemente do motivo a verdade é que novamente a bolsa cai e a dólar sobe, o pessimismo tomou conta do mercado como gostam de dizer os analistas. Assim como nas outras vezes a nossa maior incerteza é a de que estejamos simplesmente passando por mais um ciclo de baixa ou então esse realmente será o fim da nossa economia, e não foi essa exata sensação que tivemos durante as crises anteriores? No meio da tormenta foi absolutamente impossível imaginar que o país iria se recuperar, e por isso deixamos de aportar nos ativos que estavam em “promoção” naquele instante.


  Mas as  crises anteriores passaram e provavelmente assim como eu o pensamento que ficou em nossa mente foi “que droga, perdi o bonde! Deveria ter aproveitado essa oportunidade única de investimento… agora é tarde”. Nos martirizamos pela covardia de não ter apostado todas as nossas fichas no momento em que o mercado encontrava-se no fundo do poço, depois que a crise acaba fica óbvio que tudo não passou de um susto e que a economia é sempre cíclica, para piorar talvez aquela não tenha sido a sua primeira experiência com crises financeiras e por isso você se arrepende ainda mais de não ter tirado proveito do mercado em baixa mesmo “sabendo” que tudo iria ficar bem.


  Pois é meus amigos, mais uma vez vivemos um momento onde previsões de que dessa vez será diferente e o Brasil irá acabar, é agora que a "vaca vai para o brejo" e não temos mais saída. Tudo regado à incertezas quanto as eleições, explosão da dívida pública e desemprego em alta. Para piorar vemos nossos vizinhos venezuelanos nos dando o exemplo de como é possível sim que um país se acabe totalmente e a nossa querida Argentina, com seus 45% de juros ao ano, nos fazendo lembrando que em um passado não muito distante o Brasil viveu situação semelhante. Atravessando o oceano chegamos à Turquia que até então era considerada um ótimo lugar para se investir e que na semana passada viu seu dinheiro se desvalorizar em mais de 20% frente ao dólar, totalizando uma queda de 50% até o momento. Ou seja, exemplos doque pode acontecer com a nossa economia não faltam, mas será que estamos apenas passando por mais um período de grandes oportunidades ou é sim um claro sinal de que dessa vez as coisas são diferentes e o abismo está perto?


  Imagino que essa seja a pergunta que martela a cabeça de todo o investidor brasileiro nos dias atuais, seria esse momento mais uma oportunidade ou dessa vez vai ser diferente? Cadê aquele monte de investidor que sempre fica repetindo mantras do tipo “compre ações ao som dos canhões e venda ao som dos violinos" ou “tenha medo quando os outros estiverem gananciosos, e seja ganancioso quando os outros tiverem medo”? A desconfiança no país é tão grande que a maioria (inclusive eu) sonha em proteger seu suado dinheirinho aplicando em contas no exterior mesmo com o dólar nas alturas, talvez esse seja o pior momento para se efetuar esse movimento já que a bolsa americana bate records históricos e o dólar no Brasil beira os R$4,00.


   Em todo caso ouço sons de canhões por todos os lados, você eu não sei mas eu não estou com medo e sim aterrorizado! E aí meu caro leitor? Vamos seguir os conselhos do Warren Buffett ou os nossos instintos? Realmente é tentador fugir para a segurança do mercado americano, mas quanto estamos dispostos a pagar por essa segurança? Seria esse um momento de oportunidade ou um alerta doque ainda está por vir? No meu caso decidi elevar minha posição em dólares de 5% para 12%, mais que o dobro do planejamento atual... claro que às custas de uma redução na minha renda passiva. Essa mudança não irá me salvar de um desastre econômico de proporções venezuelanas mas já é uma reserva que me dará tempo de pensar como irei refazer a minha vida depois de um possível apocalipse zumbi.

  E aí? Estamos diante de uma oportunidade ou de um sinal claro de alerta? Deixe sua opinião.

Na sua opinião o momento atual no Brasil é:
Uma oportunidade de investimento
Um sinal claro de que o pior ainda está por vir
Created with PollMaker




  Uma pequena adição ao post acima, hoje o 50segundos postou no blog dele um excelente vídeo onde é explicado com clareza como funciona o ciclo econômico, apesar de todos os perrengues que o Brasil passa achei interessante ver que talvez isso que estamos passando hoje é de certa forma inevitável e não apenas consequência da corrupção e incompetência dos nossos políticos, segue o link "Como a máquina econômica funciona."

Sr.IF365

Comentários