Socorro o banco “sequestrou” meu celular! (E o meu dinheiro) …

   Essa semana tive que “formatar” meu celular devido a um problema com o sistema operacional, como todos os produtos da Apple a reinstalação foi fácil e bastou deixar conectado na internet para pouco tempo depois ter meu celular funcionando igual novo e com tudo instalado. Porém como sempre, os aplicativos dos bancos exigem procedimentos mirabolantes para que sejam ativados, tanto o Santander como o Itaú exigem que eu me dirija à um caixa eletrônico mais próximo portanto o aparelho para que eu possa ativar os tokens necessários, o problema é que eu moro à 20.000km de distância do caixa eletrônico mais próximo! Ou seja, não consigo movimentar minhas contas até resolver esse impasse.






   No caso do Santander eu fui esperto o suficiente para habilitar o aplicativo desse banco no aparelho da minha mulher, então aparentemente consigo ativar o meu usando o dela. Já no caso do Itaú apenas um aparelho pode ser habilitado por vez, dessa forma mesmo não tendo trocado de celular propriamente dito ainda sim o banco exige que eu ative o aplicativo em um caixa eletrônico. Sinceramente às vezes parece que os bancos sentem-se como donos do seu aparelho, simplesmente deixaram de oferecer aqueles antigos tokens tipo “chaveiro” e passaram a exigir que você não só possua um celular compatível com o aplicativo deles como também criaram procedimentos mirabolantes para que esses aparelhos possam ser ativados. E se eu não quiser ter um celular? E se eu quiser apenas ter um aparelho simples onde o aplicativo não pode ser instalado? Mais ainda, e se seu for um nerd da informática que gosta de formatar o aparelho toda semana? Na minha opinião se sou obrigado a ter um parelho para movimentar minha conta então que me providenciem um…

   Os bancos adoram promover esses tokens digitais como uma segurança a mais para o cliente quando na verdade não passa de segurança para eles, sabemos muito bem que se o dinheiro sumir das nossas contas inevitavelmente o banco terá que ressarcir o cliente, então são criados esses artifícios para “proteger” os correntistas. Não sou contra a modernização dos sistemas de segurança, porém está chegando a um ponto onde além de 2 ou até 3 senhas, agora é preciso ter biometria, cartão e aparelho celular para poder pagar um simples boleto de R$15! Para piorar os bancos se sentem como donos do seu aparelho uma vez que fazem exigências de configuração mínima para rodar o aplicativo e ainda criam uma dor de cabeça enorme caso você precise formatar ou trocar de aparelho, principalmente quando se mora longe de um caixa eletrônico como é o meu caso.

   Não satisfeitos em se apoderarem do seu aparelho esses bancos ainda sentem-se donos do nosso próprio dinheiro, não raro são impostas barreiras intransponíveis para movimentar recursos… limite de horários, limite de valor, limite para final de semana, cadastro de favorecidos, etc… chegando ao absurdo de colocarem limite para transferência entre contas de mesma titularidade. Alguém me explica porque deveria existir um limite para eu transferir dinheiro para minha própria conta!?!?

   Felizmente aparentemente poderei solucionar o problema junto ao Santander por conta própria, já com relação ao Itaú estou no aguardo de uma solução, mandei um e-mail para o atendimento ao cliente e até o momento não obtive resposta, pelo visto terei que fazer uma reclamação mais firme no Banco Central. Por enquanto não estou me “descabelando” uma vez que já prevendo esse tipo de problema abri contas nos bancos Neon, Inter e Nu Bank, todos esses não me deram a menor dor de cabeça para reativar os respectivos aplicativos.

   Ainda sonho com o dia que as criptos tomarão o lugar dos bancos e ponham um fim ao império dessas instituições, por enquanto terei que me contentar com as opções dos novos “banquinhos”, que por sinal funcionam muito melhor que os grandes bancos…


****** ATUALIZAÇÃO 25 de Outubro******

  Depois de 45 sem conseguir movimentar minha conta finalmente tive meu iToken ativado pelo Banco Itaú, bastou 4 reclamações no canal de atendimento ao cliente, 3 reclamações junto ao Banco Central, 2 reclamações no site Reclame Aqui, uma reclamação nas mídias sociais e uma no PROCON-SP... fácil né? Minha primeira providência quando passar pelo Brasil será encerrar minha conta nesse banquinho.


Sr.IF365

Comentários