Como me protejo de roubos durante minhas viagens…

   Como dizem por aí “a melhor maneira de ter dinheiro é não perder dinheiro”, isso vale não somente para os investimentos como também para as coisas práticas do dia a dia. Não tem maneira pior de perder dinheiro doque ser roubado, felizmente em mais de 20 anos praticamente “morando” em hotéis devido à minha profissão posso afirmar que nunca fui roubado (ou pelo menos não que eu tenha percebido). Tudo bem que geralmente os hotéis em que eu ficava hospedado pela empresa eram de outra categoria, normalmente 5 estrelas e sempre com cofre disponível no quarto, por outro lado nessa nova fase da minha vida eu simplesmente não terei mais condições de bancar hotéis desse nível durante minhas viagens e por isso o risco de roubo aumentou bastante. Roubos durante viagens são sempre inconvenientes e podem variar de apenas prejuízo financeiro no caso de sumir dinheiro, até um desastre completo se desaparecer o passaporte por exemplo, fico imaginando a dor de cabeça que é ter que tirar um novo documento estando no exterior…





   Apesar de pregar a frugalidade de vez em quando me deparo com produtos que realmente agregam valor à minha vida e se mostram de extrema utilidade, então vou me atrever a fazer propaganda de um dos produtos que está fazendo diferença nessa viagem. Conforme falei em um antigo post não existem coisas barata ou cara, tudo depende de quanto você usa e se beneficia daquela aquisição. Quando preparei as minhas malas para esse ano inteiro viajando fiz questão de trazer comigo um produto que já tinha comprado faz tempo mas que agora está se revelando de extrema utilidade, um cofre portátil. Na verdade trouxe dois de tamanhos diferentes, lembro que na época comprei o primeiro e gostei tanto que acabei encomendando o segundo. Trata-se de uma solução extremamente simples e que proteger meus pertences não só quando estou ausente do quarto do hotel, como também utilizo para deixar carteira, celular e dinheiro protegidos enquanto dou uma caminhada na praia por exemplo. Para quem não conhece, um cofre portátil nada mais é doque um “saco” revestido internamente com uma malha de aço e que permite ser fechado, amarrado e trancado utilizando-se um cadeado. Seus pertences ficam à salvo de pessoas que tentarem cortar ou levar o cofre. Não entendeu ainda? Assista ao videozinho abaixo explicando o funcionamento:





   Normalmente quando deixo o hotel amarro o cofre em alguma parte do quarto que seja fixa na parede tipo suporte de mesa, estante ou mesmo à cama. Já quando vou à praia e quero entrar no mar deixando meus pertences nas areia amarro em uma árvore ou portão de alguma casa. Imagino que nesse instante você meu caro leitor brasileiro está pensando, esse bagulho não funciona… e se o bandido usar uma ferramenta para cortar o cabo, desmontar a mesa ou estourar o cadeado? É obvio que eu estou falando de proteção em países que assim como em um jogo de Play Station ainda estamos lidando com nível de criminalidade modo Fácil, Normal e quem sabe até Difícil, já no caso do Brasil onde somos obrigados à “jogar” no modo Expert pode esquecer… nesse caso o ladrão não só vai levar o cofre portátil como também a cadeira, mesa, portão e se deixar até árvore!


   Como disse comprei dois cofres, um maior que fica no quarto de hotel e outro menorzinho que deixo dentro da minha mochila e anda sempre comigo aqui em Bali, essa semana mesmo aluguei uma prancha de surf e ao ter que deixar meus pertences no armário do vestiário tranquei tudo dentro do meu cofre e fui surfar tranquilo sabendo que mesmo que tivessem uma cópia das chaves do armário os pilantras não teriam acesso aos pertences. Por aqui a criminalidade obviamente existe mas eu classificaria como modo Fácil, não existe a menor possibilidade de ser assaltado à mão armada e os crimes se resumem à roubos simples por falta de cuidados dos turistas, nesse caso o cofre portátil se mostra extremamente eficaz.




   A grande vantagem desse produto é a portabilidade e leveza dele, estou com espaço extremamente limitado nas minha mala porém mesmo o cofre grande não ocupa mais volume doque uma calça jeans. Lembro que adquiri ambos os cofres na Amazon enquanto morava no deserto e custou uns 80 dólares cada um, o Sr.IF não costuma incentivar o consumo mas de tempos em tempos compartilharei com vocês alguns produtos que fazem diferença na minha vida e que julgo serem dignos do meu suado dinheirinho.

   Um último recado, para quem não notou ainda a seção do blog que era chamada de “Bali” foi renomeada para “Viagens” e lá passarei à postar os novos artigos que vier à escrever sobre as viagens que fizer ao longo desse ano, além de tudo que já escrevi sobre minhas viagens anteriores.





Sr.IF

Comentários