Traição financeira em um relacionamento…

   No último episódio do podcast eu tive o prazer de conversar sobre finanças com o casal Sra. e Sr. Poupador onde eles demonstraram claramente as vantagens de trilhar o caminho em busca da independência financeira a dois, porém nesse post eu gostaria de trazer o outro lado da moeda e falar sobre traição financeira dentro de um relacionamento. Pesquisas apontam que 36% das pessoas já mentiram a respeito de dinheiro para seus parceiros, desde uma pequena mentira sobre um gasto no shopping até uma conta corrente oculta no exterior a verdade é que eu acredito que 99,9% das pessoas em um dado momento do relacionamento já escondeu do seu companheiro algum tipo de “fato relevante” que influencie na vida financeira do casal. Esse tipo de comportamento tem um nome, infidelidade financeira.




   Dependendo da interpretação dada por cada pessoa a infidelidade financeira pode ser considerada igual ou até pior que traição conjugal, tudo vai depender da gravidade e das consequências financeiras que tal infidelidade irá trazer às contas do casal. Eu mesmo recentemente acompanhei o caso de um amigo muito próximo onde a esposa era responsável pelas finanças da empresa dele e um belo dia ele recebeu a ligação do contador indagando se eles não pretendiam pagar os impostos que já se acumulavam a anos! Foi só então que ele descobriu que a própria esposa desviava recursos da empresa e ao invés de pagar impostos utilizava o dinheiro para gastos pessoais e também para ajudar a família dela. Situação complicada, né? O mais impressionante é que ao descobrir a infidelidade ainda sim ele resolveu dar mais uma chance para ela só para poucos meses depois ver o mesmo fato se repetindo… não preciso nem dizer que hoje eles estão finalmente divorciados e se dependesse dos meus conselhos que dei para ele na época ela estaria respondendo um belo processo, mas ele decidiu “deixar quieto”.


   O caso acima é uma situação extrema mas não incomum, mesmo assim eu volto a afirmar que provavelmente 99,9% das pessoas já cometeram algum tipo de infidelidade financeira em menor grau. Quem nunca comprou algo e quando perguntado o preço minimizou a situação dizendo que pagou menos do que o valor real? Grande ou pequena se tem uma coisa que eu aprendi na vida é que não existe uma única vantagem quando se opta pelo caminho da mentira dentro de um relacionamento, talvez a pessoa consiga abafar as consequências da situação por um breve período de tempo mas no final a mentira sempre é descoberta e as consequências são sempre muito piores do que se tivesse encarado o caminho da verdade, ou pelo menos a briga teria sido bem menor!rs A própria natureza da convivência intensa a dois inevitavelmente trará mais cedo ou mais tarde a verdade à tona.


   Uma observação interessante sobre infidelidade financeira é que se você tem receito de contar para seu cônjuge sobre um gasto ou uma dívida, a verdade é que vocês tem em mãos um problema de relacionamento e não propriamente um problema de ordem financeira. Conforme vimos no podcast com a Sra. e Sr. Poupador o sucesso financeiro do casal depende em grande parte de muita conversa e confiança mútua do casal, dessa forma mesmo pequenas traições financeiras irão com o tempo minar o laço de confiança entre os dois e culminar em uma situação onde um não se sente mais seguro em conversar sobre dinheiro com o outro. Falar de dinheiro sempre foi e sempre será desconfortável mesmo para um casal com muito dinheiro, mas manter esse canal aberto e livre de mentiras por menor que sejam é a receita do sucesso a longo prazo… um dos pilares que sustentam as finanças a dois é “conversem sempre sobre dinheiro mesmo quando é difícil fazer isso, e é quase sempre muito difícil” (Rachel Cruze - Love Your Life, Not Theirs: 7 Money Habits for Living the Life You Want).


   A essa altura é provável que você esteja imaginando que infidelidade financeira é diretamente relacionada à um desvio de caráter no parceiro, mas geralmente a verdade passa longe disso e recai sobre outras três possibilidades: a primeira é que seu cônjuge esteja intimidado por você e tenha medo de revelar um gasto que considere excessivo por exemplo, já a segunda possibilidade é que seu parceiro seja uma pessoa de certa forma arrogante, auto-suficiente ou até mesmo imatura e que não sabe ouvir não… simplesmente sai gastando dinheiro de forma descontrolada cada vez que vai ao shopping e sabendo que está fazendo a coisa errada esconde isso de você. Por último (e que também é a situação mais comum) uma das partes acaba arcando com toda a responsabilidade de lidar com as finanças do casal pelo simples fato de que o outro não “gosta de lidar com dinheiro", dessa forma todo o peso das decisões recaem nos ombros do marido ou da esposa e esse por sua vez não está preparado(a) para lidar com isso. Ao ser incapaz de administrar bem as finanças da família a pessoa acaba tomando decisões equivocadas e que colocam todos os envolvidos em maus lençóis, finalmente por vergonha do fracasso acaba escondendo o problema financeiro do companheiro. Nesse último caso a culpa da infidelidade financeira recai sobre ambas as partes uma vez que a responsabilidade também é sua por não se envolver ativamente nas finanças da família, ao invés disso decidiu apenas jogar todo o peso nas costas do cônjuge. Obviamente uma das partes sempre será o líder da “relação financeira” e mais comumente (ao contrário do que fazem a Sra. e Sr. Poupador) as finanças são tratadas de forma unificada, porém mesmo assim todos os envolvidos sempre deverão esta à par de onde cada centavo está sendo gasto e investido.


   E você, já cometeu algum tipo de infidelidade financeira na vida? Vou deixar abaixo uma pequena pesquisa ANÔNIMA para descobrir quais os tipos de infidelidade financeira são mais comuns no meio da nossa comunidade FIRE.

Quais infidelidades financeiras você já cometeu? (Pode marcar mais de uma)
Escondi dívidas
Menti sobre o preço de uma compra
Escondi dinheiro (conta no exterior, bitcoin, no fundo do armário, etc…)
Usei um dinheiro que era para pagar contas em outra coisa
Escondo o quanto ganho por mês
Escondo o valor do meu patrimônio do parceiro
Comprei coisas (caras) sem consultar a outra parte
Fiz dividas no nome do outro sem ele(a) saber
Perdi dinheiro em um mau investimento e não contei para o meu parceiro
Ganhei dinheiro com um bom investimento e escondi o lucro do meu parceiro
Nunca cometi qualquer tipo de infidelidade financeira
Created with QuizMaker

Comentários