A corrida dos ratos...

 

   Quem é o Sr. IF365? O que significa IF365? Por que esse blog foi criado? Qual é o sentido da vida? Estamos sozinhos no universo? Continue lendo e responderei as três primeiras perguntas, as outras duas eu deixo para outros blogs já que não faço a menor ideia das respostas.

  

   Sr. IF365 é um rato de 40 anos de idade e desesperado para deixar a “corrida dos ratos” e aposentar jovem (clique AQUI para descobrir o que é a “corrida dos ratos” caso você não saiba). Desde a minha adolescência sempre sofri por causa de um enorme descontentamento com relação a vida, sentia que a normalidade de nascemos, crescemos e trabalharmos até a morte não serviria para mim, tinha que existir algo mais do que simplesmente isso. Todos a minha volta pareciam trilhar o mesmo caminho rumo a "universidade dos ratos" com o objetivo de assegurar um bom emprego e consequentemente um bom salário para poder usufruir de bens materiais. Porém a adolescência ficou para trás e eu rapidamente me juntei à “corrida do ratos” conseguindo um bom emprego, comprando um carro parcelado, uma casa financiada e fazendo a maior extravagância financeira que um homem pode fazer na vida, me casei cedo.

 

 

 

   Conforme o tempo foi passando comecei a sentir o peso das “algemas de ouro”, na minha mente a vida deveria ser maravilhosa quando se mora em uma casa enorme, dois carros na garagem, iPhone do ano e exercendo a profissão dos meus sonhos. Do que mais um homem precisa para ser feliz? Mas não demorou muito para o meu corpo começar a me alertar de que algo estava errado, passei a sentir dores inexplicáveis ao acordar, gastrite, dor de cabeça, ganho de peso, etc… Mesmo sem nunca ter descoberto a causa das minhas doenças eu percebi que a única explicação para tamanha miséria física e metal era o meu estilo de vida. Sem perceber fui aprisionado na “corrida dos ratos” e passei a viver desesperadamente atrás de mais sucesso profissional e financeiro para poder “comprar mais felicidade”, eu sabia que estava prestes a atingir o fundo do poço. E um dia o fundo do poço finalmente chegou, percebi o quanto odiava aquela vida, o quanto me sentia preso e infeliz. Para a surpresa de todos a minha volta eu dei um basta, deixei para trás um casamento falido (não desejo divórcio para o meu pior inimigo), pedi demissão do meu antigo emprego e saí do país a procura de um lugar melhor e que me permitisse escapar da “corrida dos ratos” que eu havia entrado sem perceber. Foi quando caí de paraquedas em um lugar exótico, cercado de areia do deserto e petróleo por todos os lados. O povo da região não gosta de trabalhar e por isso paga muito bem as pessoas que aceitam fazer o serviço pesado por eles, e quando digo muito bem é MUITO BEM mesmo! De quebra como o lugar é inóspito pouca gente se anima vir morar na região, dessa forma os locais estão dispostos a bancar suar moradia, conta de luz, comida, saúde e tudo mais. Achei que tinha encontrado o paraíso na terra, o santuário dos que procuram Independência Financeira. Seria sim o paraíso se não fosse por um único detalhe, aqui não é o seu país, não é o seu povo, não é a sua cultura, sua família e amigos nem conseguem te achar no mapa! Devido às adversidades mais uma vez me ví tentado a deixar as “algemas de ouro” me prenderem e mergulhar em um poço de consumismo para compensar a infelicidade de morar em outro mundo. Mas jurei que nunca mais seria escravo novamente, iria me tornar o senhor do meu destino custe o que custasse!

   

   Conforme me aproximo da reta final rumo ao meu objetivo de escapar da “corrida dos ratos” nunca senti tanta dificuldade em manter o foco e a motivação. Os dias parecem que viram semanas, as semanas mais parecem meses e meses demoram a passar como se fossem anos. Mas aconteça o que acontecer no dia 16 de Maio de 2019* eu pedirei demissão do meu atual emprego, passarei a ser uma pessoa livre e dono do meu próprio destino. Caso não tenha notado o “religinho” no topo da página mostra quanto tempo falta para eu deixar de vez a “corrida dos ratos”. 

 

  Aos meus leitores eu tenho que confessar que esse blog não tem objetivo de ensinar investimentos, acredito que para isso existem pessoas muito mais competentes em fianças e que escrevem infinitos blogs, livros ou sites a respeito do assunto. Ao invés disso pretendo compartilhar o meu último ano participando da “corrida dos ratos”. A essa altura você talvez já tenha descoberto que o nome do blog “IF365” quer dizer "Independência Financeira em 365 dias" ou seja, no próximo dia 16 de Maio irão restar exatamente 365 dias para eu recomprar a minha liberdade. Então convido você a acompanhar e participar dos meus posts rumo ao objetivo final que é o de escapar uma vez por todas da “corrida dos ratos”. Tenho a impressão que a “vida” não irá me deixar sair tão facilmente dessa enrascada que me meti, mas “andar parar trás nem para tomar impulso” é o meu lema, prometo compartilhar cada detalhe desses últimos 365 dias rumo a liberdade.

 

Um abraço

 

Sr. IF365  |  22.01.2018

 No meio do caminho meus planos de independência financeira e aposentadoria antecipada mudaram. Quem acompanhou minha jornada desde o início aqui no blog sabe como lutei para permanecer na luta até a data programada, mas no dia 21 de Outubro de 2018 joguei a toalha e publiquei um post informando minha decisão de pedir demissão e adiantar meus planos de aposentadoria, você pode ler sobre esse dia memorável AQUI.

© 2018 SrIF365  Independência Financeira & Aposentar Cedo | Renda Passiva | Brasil | srif365@gmail.com | Instagram | Twitter